PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Ópera poderá receber o nome de Fernando Durante

Ponta Grossa

12 de abril de 2021 19:30

Da Redação


Relacionadas

Carro é atingido por trem na entrada da Vila Borato

Jovem é preso por tráfico de drogas na região da Chapada

Restaurantes de PG participam do Festival Brasil Sabor

Homem é preso com simulacro de arma em Ponta Grossa
Motociclista fica ferido após colisão em Uvaranas
Aliel visita a Prolar e discute ações para novas moradias
Deputado e vereador visitam Secretaria de Segurança de PG
Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

A campanha, que pode ser assinada, quer que o principal teatro da cidade leve o nome de um dos maiores incentivadores da cultura local

Amigos e familiares do publicitário e produtor cultural Fernando Durante, falecido na última terça-feira, 6 de abril, estão se mobilizando nas redes sociais solicitando que a Prefeitura de Ponta Grossa o homenageie com o nome do Cine-Teatro Ópera. A campanha, que pode ser assinada, quer que o principal teatro da cidade leve o nome de um dos maiores incentivadores da cultura local, passando a se chamar Cine-Teatro Ópera – Teatro Fernando Durante.

“Queremos homenagear tudo que o meu pai fez pela arte e cultura em Ponta Grossa”, conta sua filha, a publicitária Clara Del Monaco Durante. “Atuante no teatro e na música desde a década de 70, ele sempre foi um grande entusiasta e influenciador de todas as manifestações culturais da nossa cidade, além de ter grandes feitos no poder público, à frente da Fundação Municipal de Cultura. Queremos eternizá-lo dando o nome de um dos teatros da cidade”, completa sua outra filha, a também publicitária Marina Durante.

Criada pelo músico Cláudio Chaves, que era cunhado de Durante, o abaixo-assinado virtual busca o maior número possível de adesões, para então ser encaminhado à prefeita Elizabeth Schmidt e ao Conselho Municipal de Política Cultural, o qual foi presidido por Fernando nos últimos cinco anos.

Inaugurado em 15 de setembro de 1950, o Cine-Teatro Ópera é o mais importante palco para manifestações artísticas da cidade. Ao longo de seus 70 anos de história, recebeu grande nomes da cultura nacional, muitos deles trazidos por Fernando Durante à Ponta Grossa. Foi Fernando também que encabeçou a última grande reforma estrutural e visual do local, com valor que ultrapassa os R$ 400 mil em investimentos da Prefeitura. As obras foram finalizadas em dezembro do ano passado e ainda não pôde ser visualizada pelo público por conta do fechamento temporário do local em virtude da pandemia.

Fernando Durante faleceu aos 63 anos em decorrência de complicações causadas pela COVID-19. Figura central da cultura em Ponta Grossa e no Paraná, ele foi um dos criadores do FUC e da Münchenfest, idealizador do Sexta às Seis e do Quarta Cultural, ator e diretor premiado no Fenata, produtor e apoiador de diversas ações culturais e incentivador de grupos folclóricos. Como presidente da Fundação Municipal de Cultura, na gestão do prefeito Marcelo Rangel, gestou a criação do Programa Municipal de Incentivo Fiscal à Cultura (PROMIFIC), que destinou mais de R$ 1 milhão a projetos para 2020 e 2021; criador do Grupo de Teatro Cidade de Ponta Grossa, com bolsas de estudos para os alunos e que já ganhou prêmios nacionais; e articulador da execução da Lei Aldir Blanc na cidade, no valor de R$ 2,2 milhões a artistas, grupos e empresas do setor cultural; além de ser o representante dos Campos Gerais no Conselho Estadual de Cultura e um dos mais ativos gestores na AMCG Cultura.


Para assinar a campanha, clique aqui

PUBLICIDADE

Recomendados