Homem com 1,3 mil roupas falsificadas é preso no Paraná

Cotidiano

17 de fevereiro de 2020 15:19

Da Redação


Relacionadas

Caixa dará 6 meses de carência em financiamentos imobiliários

Polícia Civil do Paraná abre 400 vagas em concurso

Receita regulariza CPFs com pendências

Mega acumula e deve pagar R$ 13 milhões no próximo sorteio
RodoNorte distribui TAGs com isenção da mensalidade
CPF pode ser obtido nas agências dos Correios
MP regulamenta reembolso de eventos culturais e de turismo
Com estampas falsas de marcas mundialmente conhecidas, camisetas foram produzidas em Apucarana (PR) e seriam entregues em Porto União (SC). Foto: PRF
PUBLICIDADE

Com estampas falsas de marcas mundialmente conhecidas, camisetas foram produzidas em Apucarana (PR) e seriam entregues em Porto União (SC).

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu 1.351 camisetas falsificadas na manhã desta segunda-feira (17) em Porto Vitória, na região sul do Paraná, a cerca de 280 quilômetros de Curitiba.

A carga ilícita era transportada em um automóvel Ford Escord, abordado por volta de 8h15, na BR-153. O motorista, de 39 anos de idade, foi preso em flagrante.

Aos policiais rodoviários federais, o preso declarou que possui uma empresa de confecção de roupas em Apucarana (PR), e que as peças seriam entregues em Porto União (SC).

Entre as logomarcas irregularmente reproduzidas estão algumas de empresas mundialmente conhecidas, como Adidas, Nike, Lacoste e Calvin Klein, entre outras. O valor da carga apreendida ultrapassa R$ 10 mil.

A PRF registrou a ocorrência na 4ª Subdivisão da Polícia Civil, em União da Vitória. De acordo com o artigo 189 da lei federal 9.279, que regula a propriedade industrial, quem reproduz sem autorização uma marca registrada está sujeito à pena de três meses a um ano de prisão.

Com informações do portal Banda B.

PUBLICIDADE

Recomendados

IVC Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização