Turma resgata brincadeiras antigas em Carambeí

Vamos Ler

09 de outubro de 2019 14:30

Dhiego Tchmolo


Relacionadas

Alunos estudam e tiram dúvidas sobre tipos de rochas

‘Dia da Árvore’ engaja trabalho de quintos anos em Tibagi

‘Buffet de frutas’ incentiva aprendizado do espanhol

Câmara de Vereadores é tema de aula e alunos fazem sugestões
Atividade de 5º ano transforma alunos em jornalistas
Quarto ano une espanhol e ciências em experimento
Aluno de Tibagi recebe dispositivo portátil de visão artificial
PUBLICIDADE

Com tutorial gravado pelos alunos do 2º ano da Escola Evangélica para compreensão dos colegas, crianças puderam imergir em um resgate histórico e agregar benefícios com a atividade

As brincadeiras antigas foram tema de um amplo estudo no 2º ano matutino da Escola Evangélica de Carambeí. Os conteúdos abordados e a forma de trabalho dentro da disciplina de História foram relatados pela professora da turma, Jocieli Aparecida Silva, que contou a importância do resgate acerca do assunto.

“Neste trimestre as crianças do 2º ano estudaram, na disciplina de História, sobre brincadeira antigas. Esse trabalho envolveu não apenas a descrição das brincadeiras, mas a compreensão da importância dessas brincadeiras na construção histórica. outro ponto marcante dessa aprendizagem foi a experimentação e a pesquisa, já que uma das tarefas era aprender e ensinar uma brincadeira antiga”, destaca a docente.

O tema foi desenvolvido com uma tarefa inicial: pensar e representar, com desenhos e escrita, brincadeiras e/ou jogos da preferência dos alunos, com dois critérios. O primeiro é que a brincadeira deveria ser coletiva; a segunda, que não envolvesse algum tipo de jogo eletrônico. Para complementar, houve uma gravação de um tutorial, em dupla, buscando ensinar outras crianças as brincadeiras.

“Compararam as brincadeiras, estudaram sobre a confecção de brinquedos artesanais e industrializados, identificaram brinquedos adequados para diversas idades, conhecendo o símbolo do INMETRO - que fiscaliza e classifica os brinquedos por faixa etária quanto a segurança. Como todas as aprendizagens que construímos, esse conteúdo foi além das descobertas referentes as brincadeiras e brinquedos”, complementa Jocieli.

Para finalizar, a professora explica que o trabalho envolveu raciocínio lógico, organização, interpretação, memória, criatividade, imitação, imaginação, análise de fatos históricos, habilidades motoras, além do desenvolvimento da empatia e a importância do controle de sentimentos a ganhar ou perder, o que ajudou a trabalhar as frustrações.

Confira, no blog escolar da Escola Evangélica de Carambeí, os vídeos na íntegra. Clique aqui.

PUBLICIDADE

Recomendados