PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Tânia Sviercoski quer trabalho preventivo contra violência

Ponta Grossa

25 de janeiro de 2021 18:33

Afonso Verner


Relacionadas

Sessões da Câmara de PG retornam com restrições

Ratinho reabre comércio e autoriza aulas presenciais

Governo do PR define regras para reabrir o comércio

Aulas presenciais retornam a partir de quarta-feira
Vereadores apoiam reabertura escalonada do comércio em PG
Corpo de Marlene é localizado no Distrito de Uvaia
Stocco quer suspensão do corte de água e luz de comerciantes em PG
Foto: Arquivo aRede
PUBLICIDADE

Delegada da Polícia Civil assumiu o posto como primeira secretária municipal de Cidadania e Segurança Pública da cidade

Primeira mulher a assumir o posto de secretária de Cidadania e Segurança Pública em Ponta Grossa, a delegada Tânia Sviercoski quer fazer um trabalho preventivo contra a violência na cidade. Tânia é delegada da Polícia Civil e foi cedida para assumir o cargo - ela comandou por anos o setor de homicídio da 13ª Subdivisão Policial de Ponta Grossa por anos e acumula experiência de ter obtido bons números ao combater os crimes contra à vida na cidade. 

Nesta segunda-feira (25), Tânia visitou a redação do Jornal da Manhã e portal aRede para participar de uma sabatina transmitida nas redes sociais - clique aqui para assistir. “Fiquei muito honrada em ser a primeira mulher no cargo, o gênero feminino fica muito orgulhoso. Esse é um grande desafio em trabalhar com a segurança pública de forma mais ampla”, disse a delegada da Polícia Civil. 

Tânia destacou ainda a intenção de implementar o que chama de Muralha Digital. “Essa muralha é o nosso sistema de monitoramento que já conta com várias câmeras e com totens. Esse sistema vai cercar a cidade, nos moldes das muralhas das cidades antigas, e com o uso de software vamos refinar essas informações captadas pelas câmeras para combater a criminalidade”, disse a secretária. 

Ao ser questionada sobre os planos no comando da secretária, Tânia destacou a intenção de iniciar um trabalho preventivo contra à violência. “Meu histórico na Polícia Civil me ajuda a identificar que por trás dos crimes sempre há um histórico de violência. Nós iremos trabalhar para prevenir o crime de homicídio que é um termômetro de violência segundo a ONU”, contou Tânia. 

Tânia também destacou a importância da Defesa Civil no atendimento das demandas ocasionadas pelas chuvas na cidade. “A Defesa Civil faz um ótimo trabalho que também vamos buscar fortalecer”, contou a delegada. 

Ações da Guarda Municipal

A delegada destacou ainda as ações da Guarda Municipal, atualmente comandada por Maribel Krum, no fortalecimento da política municipal de combate às drogas. “A Guarda Municipal já vem combatendo o micro-tráfico e fizemos mais de 12 prisões apenas neste primeiro mês do ano, além de nove quilos de drogas apreendidos”, comemorou Tânia ao falar sobre a GM. 

PUBLICIDADE

Recomendados