Rafael Freitas destaca benefícios da fisioterapia

Ponta Grossa

13 de agosto de 2020 20:00

Afonso Verner


Relacionadas

Herbário da UEPG soma 22 mil espécimes catalogadas

Queima de fogos misteriosa intriga moradores de PG

Choque apreende mais de 33 quilos de maconha em PG

Centro e Jardim Carvalho ficam sem água nesta terça
Empresa em contabilidade eleitoral traz novidades para PG
Pauliki destaca ações de inclusão no Dia de Luta das Pessoas com Deficiência
Projeto distribui mais de 15 mil mudas de árvores em PG
Pacientes idosos, oncológicos ou que sofreram AVC podem adotar tratamento para agilizar a recuperação Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

Pacientes idosos, oncológicos ou que sofreram AVC podem adotar tratamento para agilizar a recuperação

Rafael Freitas, fisioterapeuta domiciliar, visitou a redação do portal aRede nesta terça-feira (11) para falar dos benefícios da fisioterapia domiciliar. Com experiência no setor, Rafael destaca os benefícios do tratamento domiciliar para diferentes tipos de pacientes, como idosos, pacientes oncológicos ou pacientes que se recuperam de um AVC (Acidente vascular cerebral). 

Segundo o fisioterapeuta, o atendimento domiciliar é muito indicado para idosos que estão acamados. “Mas a fisioterapia pode e deve começar a ser feita antes mesmo disso. O fisioterapeuta pode preparar e fortalecer o corpo do idoso para que ele volte à academia ou volte a caminhar”, destaca Freitas. Rafael lembra ainda que o processo de envelhecimento é natural, mas pode ser enfrentado como mais qualidade de vida com a ajuda da fisioterapia. 

Outro tipo de paciente que pode se tratar com o auxílio da fisioterapia domiciliar é o paciente oncológico. “O tratamento de câncer, seja por rádio ou quimioterapia, é muito desgastante. Um trabalho de fisioterapia pode preparar o corpo do paciente para uma cirurgia, quando necessário, ou ajudar o paciente no pós-operatório”, explica Rafael Freitas. 

Freitas ressalta ainda a contribuição que a fisioterapia domiciliar tem para pacientes que sofreram um AVC. “No caso desse paciente que recebeu alta do hospital, o ideal é que ele inicie o tratamento com um fisioterapeuta o mais rápido possível. Estudos mostram que em casos de pacientes que passaram por um AVC, as semanas após a recuperação são as mais frutíferas para retomada dos movimentos”, contou o fisioterapeuta. 

O fisioterapeuta Rafael Freitas trabalha com o atendimento em domicílio e durante a pandemia estão sendo adotadas várias medidas de higiene, desinfecção e cuidados para que o paciente continue em casa, em segurança, e possa manter seu tratamento.

Quem desejar saber outras informações pode entrar em contato pelo telefone WhatsApp (42) 99868-0919 ou pelo site fisioterapiapg.com.br. O fisioterapeuta atende tratamentos de reabilitação (pessoas que sofreram acidentes), respiratório (pessoas que tem pré-operatório), motora (Traumato-ortopédica), terceira idade e fisioterapia urgente que engloba dores e mau jeito (tensão ou distensão muscular).

PUBLICIDADE

Recomendados