Ponta-grossense ganha prêmio de R$5,2 milhões no poker

Ponta Grossa

21 de maio de 2020 11:00

Da Redação


Relacionadas

Mais de 1,5 mil imóveis estão sem energia em PG

Sanepar interliga novas redes no Parque Industrial

PG chega a 5 mil casos confirmados de covid-19

PSOL aposta em candidatura própria com custos reduzidos
Em PG, criança de quatro anos fica órfã de pai e mãe
Julgamento do ‘caso Taíse’ será nesta terça-feira
Após obstrução de pista, carro bate em caminhão na BR-373
O brilhante resultado do regular valeu um impressionante prêmio de US$ 920.066, cerca de R$ 5,2 milhões pelas cotações atuais do dólar Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

O jogador João Hayashi escreveu um capítulo memorável para o poker brasileiro

João Hayashi mostrou uma excelente performance no heads-up e foi o grande campeão do Main Event Medium do SCOOP (Spring Championship Of Online Poker). O “HayashiJoão” do online superou um field com 6.475 entradas e com a vitória conquistou a incrível forra de US$ 920.066,91, é a sexta maior premiação da história do poker brasileiro em torneios no poker online.

O campeão ainda dividiu a mesa final com dois compatriotas. Gustavo “gkamei09” Kamei ficou com a quarta colocação e levou US$ 333.594,12 e Matheus “MpZancan” Zancan foi o nono somando US$ 61.338,32 ao bankroll.

Apesar dos grandes valores envolvidos, a mesa final do Main Event Medium foi intensa, em menos de três horas, o torneio já havia sido finalizado. Iniciando com o quarto maior stack, João teve um início de decisão consistente. Puxando consideráveis potes no início,o jogador saltou para a segunda maior pilha da reta final.

Sempre figurando entre os maiores stacks, o brasileiro viu o belga Michael Gathy, o “merla888” do online, iniciar como chip leader e comandar a decisão. Até a formação do 3-handed, o jogador havia eliminado cinco adversários das seis baixas e possuía quase três vezes mais fichas que o segundo maior stack.

João não se intimidou com a grande performance do adversário e após eliminar “luelue399” na terceira colocação, iniciou o heads-up com menos da metade das fichas do adversário. O cenário adverso ainda piorou, com Gathy começando muito bem o duelo final e abrindo uma vantagem de cinco vezes mais fichas.

A partir deste momento, o tupiniquim começou a dar aula no heads-up. Sem precisar de um all in pré-flop, o jogador conseguiu reduzir a diferença e, posteriormente, virar o confronto. Quando assumiu a liderança pela primeira vez, não a deixou escapar e 41 mãos depois confirmou a vitória. Com o vice-campeonato, o belga recebeu US$ 665.853,39. 

Informações Superpoker

PUBLICIDADE

Recomendados