Oferta aRedeShopping
Superlua Rosa vai poder ser vista hoje em PG

Ponta Grossa

07 de abril de 2020 15:48

Da Redação


Relacionadas

Apoio a torneio de taekwondo rende homenagem à Prefeitura

PG possui 151 Pontos de Entrega Voluntária

Família de Cíntia diz que 'justiça foi feita'

Professor salva cachorro do ataque de cães Pitbull
Cão de faro ajuda na prisão de suspeito de tráfico em PG
Vítimas pedem socorro e testemunhas detêm assaltante
Choque e PRF apreendem caminhão cheio de cigarros
Olhando da janela de sua casa já será possível observar, pelo menos em algum ponto. Foto: sorocabanices
PUBLICIDADE

Fenômeno desse ano será a maior Superlua de 2020. Será possível começar à observar o fenômeno a partir das 18h50 (horário de Brasília)

A Superlua Rosa é um fenômeno que acontece todos os anos, mas em 2020 ele será ainda mais especial. Dia 7 de abril, nesta terça-feira, a lua estará mais próxima da Terra em sua fase cheia, que é quando ela fica ainda maior e mais brilhante.

Apesar do nome ser Superlua rosa, isso não se deve exatamente pela cor que a lua terá. A sua coloração será alaranjada, devido a proximidade com a Terra. Como nos EUA é o início da primavera, os campos se enchem de flores, principalmente com a espécie Creeping Phlox, que é uma flor rosa. O nome então ficou conhecido como Superpink Moon, ou Superlua rosa.

No Brasil, por sua vez, é o início do outono, portanto veremos a lua com um tom mais laranja. Também teremos a impressão que ela está maior. Isso acontece devido ao perigeu, que é quando a lua mais se aproxima da Terra. Apesar do nome Superlua não ser científico, ele se relaciona com o seu tamanho.

“A Superlua é um evento decorrente da coincidência de dois fatos astronômicos. O primeiro é que a Lua não gira em torno da Terra em formato de circunferência, mas em uma órbita um pouquinho achatada. Então, ela tem de estar no ponto mais próximo da Terra, que chamamos de perigeu e, ao mesmo tempo, na fase cheia” - Marcelo Schappo, doutor em física pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), em entrevista ao Jornal de Brasília

Será possível começar à observar o fenômeno a partir das 18h50 (horário de Brasília). Basta olhar para o Leste, onde a Lua Cheia nasce. Apesar de muitas pessoas gostarem de ir até uma colina, ou algum lugar específico para observar a lua, isso não é necessário. Olhando da janela de sua casa já será possível observar, pelo menos em algum ponto. 


Leia outros detalhes clicando aqui

PUBLICIDADE

Recomendados