Furto da fiação elétrica de obra gera prejuízo à Apadevi

Ponta Grossa

20 de fevereiro de 2020 21:30

João Guilherme Castro


Relacionadas

Casos de Covid-19 são maioria entre adultos no PR

Família procura por cadela desaparecida no Esplanada

Registros de violência contra a mulher caem em PG

Rangel brinca com comentário na live de Marília Mendonça
Advogado de PG divulga e-book para detalhar a MP 936
Advogadas comentam liminar que dá poder aos sindicatos
PG registra três roubos a comércio em um dia
Associação está construindo sede em Uvaranas. Furto atrasou instalação de energia elétrica pela Copel Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

Associação está construindo sede em Uvaranas. Furto atrasou instalação de energia elétrica pela Copel

A Associação de Pais e Amigos do Deficiente Visual (Apadevi) constrói, desde 2008, uma sede própria na região de Uvaranas. A obra é realizada de acordo com a quantia que a associação possui em caixa. Porém, em uma madrugada do início de fevereiro a fiação elétrica da obra foi furtada e gerou prejuízo calculado em R$ 2 mil, atrasando as obras.

Segundo o presidente da Apadevi, Luiz Carlos Gomes, a Copel ligaria a energia no local no dia seguinte à ação. “Eles entraram de madrugada. Subiram nos postes e cortaram os fios e levaram”, comenta. Depois de uma semana a associação conseguiu realizar a compra de novos materiais e contratar um profissional para a instalação “Nós parcelamos essa compra e vamos fazer evento para conseguir mais verba”, afirma. Com o furto o prejuízo foi de R$ 500 em mão de obra e aproximadamente R$ 1500 em materiais.

A obra iniciou em 2008, mas parou em 2015 pela falta de recursos. Em 2019 a construção foi retomada e seguia normalmente. A obra dependia da ligação de energia para a continuidade do serviço. “Nós paramos em 2015 porque acabou o dinheiro e em 2019 retomamos e gastamos mais R$ 200 mil, mas agora acabou o dinheiro e precisamos de mais R$ 500 mil para terminar”, complementa Luiz Carlos.

A Apadevi realiza eventos e outras ações para arrecadar dinheiro. Além disso a associação possui uma parceria com a Copel que qualquer pessoa pode contribuir com a doação de R$ 1 a R$ 150 pelo período de um mês a dois anos.

A Associação possui diversos projetos de destaque e reconhecimento, entre eles, a forte equipe de atletismo. A entidade conquistou recentemente no Circuito Brasil Loterias Caixa, em Vitória no Espírito Santo, medalhas de ouro nos 100 e 200  metros rasos masculino e feminino e 400 metros rasos masculino, no arremesso de peso masculino. Os atletas Christofer, Laertes e Stefani foram acompanhados do guia Wanderley e juntos trouxeram oito medalhas para Ponta Grossa.

Construção foi dividida em blocos

A Apadevi foi fundada em 22 de Junho de 1985 e é uma Organização Não Governamental que atende pessoas com deficiência visual total e/ou com baixa visão, sem limite de idade, no município de Ponta Grossa. Pensando no desenvolvimento integral e também na inclusão social das pessoas com deficiência visual, a Apadevi distribuiu a construção em blocos exclusivos de atendimento, para melhorar e facilitar a construção e término das obras.

PUBLICIDADE

Recomendados

IVC Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização