Concessão da Vila Velha será formalizada hoje

Ponta Grossa

19 de fevereiro de 2020 15:22

Da Redação


Relacionadas

Aliel quer isenção de pedágio para remédios, alimentos e combustíveis

Aeroporto Sant’Ana e Ambev doam álcool para instituições

Rangel pode tornar uso de máscaras obrigatório em PG

Paróquias usam da criatividade para oferecer confissões
Comando da PM afasta policiais com sintomas de gripe
UEPG oferta curso online gratuito visando o bem-estar social
Empório Peixe Boi oferece promoções especiais para a Semana Santa
A concessão é um trabalho amplo e complexo, viabilizado através da parceria entre a Prefeitura e o Governo do Paraná. Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

A concessão é um trabalho amplo e complexo, viabilizado através da parceria entre a Prefeitura e o Governo do Paraná.

A concessão do Parque de Vila Velha será formalizada nesta quarta-feira (19) às 17 horas. O evento de assinatura do contrato com a empresa responsável terá a presença do Prefeito Marcelo Rangel, do Governador Carlos Massa Ratinho Junior, do secretário de Turismo de Ponta Grossa, Edgar Hampf, e do o secretário de Estado do Desenvolvimento Ambiental e Turismo, Márcio Nunes. Representantes da concessionária e autoridades do Município e do Estado do Paraná também devem participar da cerimônia.

“Este é um grande momento para a cidade de Ponta Grossa, que agora dá mais um passo em direção à sua consolidação como um dos mais importantes destinos turísticos do Brasil. A concessão é um trabalho amplo e complexo e que só pode ser viabilizado através da parceria afinada entre a Prefeitura e o Governo do Paraná. E isso não se limita apenas aos aspectos do Parque, mas também engloba a melhoria da infraestrutura da cidade e do nosso aeroporto, que tem crescido constantemente e se tornado referência no país, disponibilizando voos para diversos destinos, incluindo Congonhas e Foz do Iguaçu, e inserindo Ponta Grossa no mapa do Turismo nacional ”, destaca o prefeito Marcelo Rangel. 

Para o secretário de Turismo, Edgar Hampf, a concretização da concessão de Vila Velha trará mais atrações para o local, além de contribuir para a conservação do Parque e a consolidação de Ponta Grossa como um dos principais destinos do país. Ele também aponta a possibilidade de o fortalecimento de Vila Velha contribuir para a ampliação de visitantes não só em Ponta Grossa, mas em toda a região.

“Sem dúvida, Ponta Grossa já é um dos pontos estratégicos para a implementação de uma nova do turismo do Paraná e o impacto proveniente disso poderá ser sentido pelas cidades do entorno também, uma vez que os Campos Gerais estão entre as paisagens mais bonitas do Brasil. É indiscutível que entraremos em uma nova fase, com produtos turísticos de imensa qualidade e variedade, e grandes e positivas expectativas para a nossa cidade”, declara.

“Além disso, o impacto da concessão também deve gerar um incremento da demanda por serviços turísticos. Isso vai alavancar todo o setor de serviços da cidade, que já responde por quase 60% da economia local. Com uma demanda maior por serviços de várias categorias, também haverá uma resposta interessante do setor: é preciso atender essa demanda. Quem ganha com tudo isso é o consumidor/residente local, que terá à disposição, além de mais recursos circulando na cidade, também outras opções de serviços que ele pode também acessar, inclusive e especialmente transporte e alimentação”, completa Hampf.

Com informações da Assessoria de Imprensa.

PUBLICIDADE

Recomendados

IVC Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização