Zampieri denuncia falta de insumos para cirurgias no PSM

Ponta Grossa

11 de dezembro de 2019 19:40

Da Redação


Relacionadas

Empresas destacam cuidados ao retomar atividades

Professor Edson defende conquistas históricas do PT

Pietro e Aliel recebem pais de alunos do colégio Sesi de PG

Conselho divulga carta contra mudança no prédio da Estação Paraná
Fundação de Saúde registra 65 novos casos de Covid
Pequena Letícia precisa de ajuda para sobreviver
Congresso Internacional debate Sociedade de Risco
Foto: Kauter Prado/CMPG
PUBLICIDADE

Vereador levou tema à tribuna da Casa de Leis após receber denúncia. Cirurgias foram suspensas de acordo com o parlamentar.

O vereador Ricardo Zampieri (PSL) fez uma grave denúncia durante a sessão da Câmara Municipal de Ponta Grossa (CMPG) nesta quarta-feira (11). Ricardo afirmou que a falta de insumos para cirurgias fez com que os procedimentos fossem suspensos no Hospital Municipal Amadeu Puppi, o Pronto Socorro (PS). O vereador recebeu a informação de cidadãos que buscam atendimento no local.

De acordo com Ricardo, a falta de pagamento por parte da Prefeitura fez com que o fornecimento de materiais estéreis fosse interrompido. "Esses materiais são vitais para qualquer procedimento cirúrgico, sem eles a ala cirúrgica e mesmos outros procedimentos acabam prejudicados. É um absurdo que a Prefeitura deixe a população passar por isso", disparou Ricardo.

O vereador destacou ainda o fato de que "falta prioridade" nos investimentos feitos pelo Poder Executivo. "Nós vemos o município gastando fortunas em rotatórias ou refazendo asfalto no Centro da cidade, enquanto nossa principal porta de entrada no setor da saúde pública está abandonada. A interrupção das cirurgias por falta de materiais é um absurdo sem precedentes", disse Zampieri.

Ricardo destacou ainda que a falta destes insumos pode acarretar em custos extras para o próprio município. "Sem falar do custo à saúde dos cidadãos, a falta de insumos vai fazer com que muitas pessoas fiquem internadas mais tempo do que precisariam, à espera da cirurgia, e isso, por si só, é um custo que o município vai ter que arcar", destacou o vereador do PSL.

Reunião com responsáveis

Após levar a denúncia à tribuna do Legislativo, Ricardo deverá levar o tema também ao Ministério Público (MP) e busca uma reunião com os secretários da pasta de Saúde para se informar sobre o tema. "Esse é um caso muito grave, vou seguir acompanhando de perto e cobrando uma solução imediata", garantiu o parlamentar.

Informações da Assessoria de Imprensa.

PUBLICIDADE

Recomendados