Ponta Grossa ganha Biblioteca Solidária

Mix

24 de janeiro de 2020 21:00

Da Redação


Relacionadas

Artista de PG conquista novo prêmio internacional

Concerto online reúne artistas locais e internacionais

Tendência moda Verão 2021 aposta em conforto e modelagem

Crepúsculo em PG rende foto sensacional de igreja
Apla divulga resultado de concurso cultural
Escritora ponta-grossense lança livro de romance
PG Memória 2020 começa nesta quinta-feira
PUBLICIDADE

Para compor acervo fundadoras pedem doação de livros

Um lugar com inúmeras histórias, com cenários diferentes, reinos inimagináveis e muita aventura. Quem já visitou uma biblioteca sabe que os livros podem conter suspenses, romances e enredos que levam quem lê para um mundo próprio. Pensando em ampliar o acesso à literatura o blog Pássaro Liberto, criado pelas jornalistas Ana Istschuk e Luna Caroline Nascimento, junto com a Casulo Casa Colaborativa fundaram uma biblioteca solidária. Para compor o acervo as responsáveis estão com uma campanha nas redes sociais para doação de livros.

São aceitos livros de literatura dos mais diversos gêneros, como brasileiro, estrangeiro, romance, história em quadrinhos, poesia, infantil, infanto-juvenil, teatro, por exemplo. Não são aceitos livros de caráter religiosos, nem apostilas ou materiais didáticos. A expetativa é abrir a biblioteca para o público a partir de março. Poderão usufruir do acervo as mulheres atendidas pelo projeto da Casulo Social, Voa.

Há aproximadamente 150 livros já doados e catalogas, porém, a espera é receber mais obras. “Nossa expetativa é funcionar com o maior número de escritoras mulheres contemporâneas também para mostrar para essas mulheres que elas também são capazes de criar histórias”, relata Ana Istschuk, uma das fundadoras do projeto, em entrevista para o Portal Arede. As doações podem ser feitas direto na sede da Casulo Casa Colaborativa de terça a sábado das 10h30 às 19h na rua Paula Xavier nº 1352, quem não puder levar os livros pode entrar em contato pelo Facebook do Pássaro Liberto ou pelo Instagram @passaro_liberto e combinar a doação.

No blog e nas redes sociais do Pássaro Liberto há também uma lista de sugestões de livros, para quem quiser contribuir, mas não tem um exemplar em casa disponível para doação. Luana Caroline Nascimento, fundadora do projeto, aponta que desde o surgimento do blog a proposta era ampliar o acesso a literatura e proporcionar experiências literárias. “Queremos levar um acesso maior dos livros para pessoas que geralmente não tem acesso seja as livrarias ou as bibliotecas da cidade. Como elas já estarão na Casulo pelo projeto social decidimos levar os livros até elas”, afirma.

Homenagem à escritora e professora universitária

Em homenagem, a biblioteca solidária leva o nome da professora do departamento de Letras da Universidade Estadual de Ponta Grossa e escritora, Aparecida de Jesus Ferreira. Pelas redes sociais a professora agradeceu a homenagem e parabenizou pela iniciativa, tanto do projeto como do blog. “Agradeço imensamente e quero dizer que admiro muito o trabalho que vocês fazem. Pela fantástica iniciativa parabenizo vocês e que a leitura crítica, reflexiva, empoderadora possa chegar a todas pessoas. Amo ler a leitura sempre me dá muito prazer. Com a leitura descobri novas possibilidades de viver e experimentar o desconhecido. Desejo que os livros da biblioteca cheguem a muitas pessoas. Sucesso para vocês sempre. Muito obrigada, com todo o meu carinho. Literalmente em lágrimas novamente, pois quando me contou tive a mesma reação”, complementa a professora.

Informações: Assessoria de Imprensa 

PUBLICIDADE

Recomendados