Furto, roubo e violência doméstica caem na quarentena

Cotidiano

25 de março de 2020 21:30

Da Redação


Relacionadas

Aposta online acerta as seis dezenas da Mega-Sena

Coronavírus: província da China volta a impor quarentena

Rede Madero demite mais de 600 funcionários

Senado aprova auxílio de R$ 600 a mais de 30 categorias
Mulher é esfaqueada dentro de casa pelo marido em Curitiba
Bolsonaro sanciona MP da renda básica emergencial
Araucária tem primeiro caso confirmado de coronavírus
Os dados divulgados pela Secretaria de Estado da Segurança Pública são parciais e relacionados ao período de combate à pandemia do coronavírus (Covid-19) no Estado. Foto: Reprodução/AEN
PUBLICIDADE

Os dados divulgados pela Secretaria de Estado da Segurança Pública são parciais e relacionados ao período de combate à pandemia do coronavírus (Covid-19) no Estado

O Paraná registrou redução de 35% nas ocorrências criminais na semana passada (de isolamento e mudança de conduta) em comparação com a anterior a ela. Na semana de 16 a 23, em comparação com a semana de 09 a 15, foram registradas 2.094 ocorrências a menos em todo o Paraná com relação aos crimes de furtos e roubos, furtos e roubos de veículos, e violência doméstica.

Os dados divulgados pela Secretaria de Estado da Segurança Pública são parciais e relacionados ao período de combate à pandemia do coronavírus (Covid-19) no Estado.

Segundo a secretaria, a queda no número de registros de boletins de ocorrência na última semana tem relação direta com a orientação do Governo do Estado para a população ficar em casa durante o enfrentamento à proliferação do coronavírus. “A população está saindo menos de casa, seguindo as orientações do Governo do Estado e se prevenindo contra o Covid-19, e, com isso, fica menos exposta ao crime, e os oportunistas com menos chance para cometer o ilícito”, disse o secretário estadual da Segurança Pública, Romulo Marinho Soares.

Apesar da pandemia do coronavírus, as polícias não paralisaram nenhuma atividade e estão trabalhando mais para garantir a segurança pública à população. “As polícias do Paraná continuam seus trabalhos de combate à criminalidade normalmente, ou seja, a Polícia Militar continua com o policiamento preventivo e ostensivo em todas as regiões do Estado, bem como a Polícia Civil não suspendeu nenhuma investigação”, afirmou.

Foram 5.921 boletins de ocorrência na semana de 09 a 15, e 3.827 na semana de 16 a 22, mostrando uma queda de 35% nos crimes mencionados acima. Já os crimes relacionados à violência doméstica diminuíram em 38%: na semana de 09 a 15 foram 1.498 registros, contra 923 na última semana (16 a 22/03).

Dentre os crimes contabilizados, a redução pode ser vista ainda em relação a furtos e roubos. O furto reduziu em 36% no período contabilizado (de 3.039 ocorrências para 1.941) e o roubo em 31% (de 898 para 622).

Em relação ao furto e roubo de veículos, também foi possível perceber uma diminuição expressiva. Os furtos de veículos em todo o Estado tiveram queda de 29% (de 352 para 250) e os roubos de veículos queda de 32% (de 134 para 91).

“Como a nossa população está praticando o isolamento social e restringindo a sua atividade ao núcleo doméstico, nós temos menos pessoas nas ruas, shoppings e mercados, ocorrendo a redução nos índices”, afirmou o comandante-geral da Polícia Militar, coronel Péricles de Matos. “E o resultado é oportuno tanto para a Segurança Pública como para a Saúde também, visto que, ao evitar as aglomerações, estamos quebrando a cadeia de contágio do coronavírus”, acrescentou.

PUBLICIDADE

Recomendados

IVC Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização