Prefeito de Tibagi se reúne com empresários sobre a covid-19

Campos Gerais

07 de abril de 2020 10:41

Da Redação


Relacionadas

Construção Civil recua 30% nos Campos Gerais

Jaguariaíva registra a primeira morte pela Covid

Carambeí passa a publicar boletim municipal da Covid-19

Motorista de caminhão morre após colidir com árvore em Irati
Escola de música de Jaguariaíva adapta aulas durante pandemia
Caminhão se envolve em acidente na ‘curva da morte’
Carro bate em caminhão e jovem morre em Palmeira
Objetivo da reunião é encontrar saídas para empresários que seguem com comércio fechado Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

Encontro foi oportunidade para pequenos e médios empresários compartilharem suas preocupações em relação ao coronavírus

Nesta segunda-feira (6), o prefeito de Tibagi, Rildo Leonardi, reuniu-se com pequenos e médios empresários de bares, restaurantes e hotelaria do município para ouvir suas demandas devido ao fechamento de seus estabelecimentos desde o início da pandemia do coronavírus. O Executivo agora irá estudar as propostas apresentadas pelo empresariado local.

Leonardi escutou cada empresário presente na reunião e está confiante no sucesso deste encontro. “Estamos numa situação extrema, em que não conseguiremos atender todas as demandas, mas fizemos esta reunião justamente para escutá-los, para mostrar que estamos atentos às necessidades do ramo e queremos encontrar a melhor forma de passar por essa crise”, afirmou.

O presidente da Associação Comercial, Empresarial e Industrial de Tibagi (Acetti), Paolo Pavesi, relatou que a reunião foi muito pedida pelos associados. “O que me surpreendeu da reunião é que a maioria está bem consciente da forma que tem que trabalhar, que seria través de delivery, drive-thru. Mas lógico que temos alguns casos que o pessoal precisa abrir, que não está conseguindo manter sua equipe, não tem muito o perfil do delivery e do drive- thru. O prefeito irá tentar analisar a situação, para durante a semana tentar passar uma posição”, disse.

Claudison da Silva Rosa, conhecido como Dino, proprietário de um restaurante, elogiou a atitude do Executivo em realizar a reunião. “Foi bem-sucedido. Vamos esperar que o prefeito nos ajude, não só o prefeito, como toda a população. Estamos esperando passar toda essa coisa, não só na nossa cidade, mas em outros países também. Mas, se Deus quiser, vai dar tudo certo. Conseguimos que o comércio reabra novamente, com algumas exceções, mas vamos pedir e agradecemos ao prefeito pela colaboração que teve conosco”, completou.

Reabertura do comércio

O decreto n° 727/2020 autorizou a retomada do atendimento ao público de algumas empresas, na última sexta-feira (03).

Mas no decreto ainda está mantido o fechamento de bares, restaurantes e lanchonetes até esta sexta-feira (10). Estes poderão atender somente com encomendas e entregas. Atrativos turísticos, parques, tanto púbicos quanto privados, permanecem fechados para visitação. A rede hoteleira também fica impedida de receber turistas ou grupos. Eventos particulares ainda estão proibidos, bem como a permanência de pessoas em espaços públicos, como praças, por exemplo, tudo para evitar aglomerações.

A Prefeitura está acompanhando a situação da pandemia e pode alterar, a qualquer momento, as políticas públicas municipais de prevenção caso as medidas preventivas não estejam surtindo os efeitos esperados.

Informações assessoria de imprensa.

PUBLICIDADE

Recomendados

IVC Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização