Capal anuncia vencedores no Prêmio Leite de Qualidade

Agronegócio

04 de agosto de 2020 21:45

Fernando Rogala


Relacionadas

Produtores irão ampliar área de soja plantada na região

Paraná deverá produzir 40 milhões de toneladas de grãos

Castrolanda recebe prêmio destaque em âmbito leiteiro

Conab avalia que Brasil terá 2ª maior safra de café em 2020
Agricultura digital: O que é e como colocar em prática?
Adapar alerta sobre recebimento de sementes não encomendadas
CAPAL completa 60 anos com mais de 3,2 mil associados
Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

Nomes dos produtores foram revelados no último dia 24, durante webinar

O  coordenador de Pecuária Leite da cooperativa Capal, Roberto Caldeira, divulgou, em um webinar em 24 de julho, os nomes dos produtores reconhecidos no prêmio Leite de Qualidade.A premiação abrange os produtores que entregam para o Pool Leite. A pontuação levou em consideração a contagem de células somáticas (CCS) e contagem bacteriana total (CBT). O cálculo foi realizado mês a mês, entre julho de 2019 e junho de 2020, com base nas análises fornecidas pela Associação Paranaense de Criadores de Bovinos da Raça Holandesa (APCBRH), credenciada pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

“O programa foi criado em 2016 com o intuito de premiar os produtores de leite com o melhor desempenho em CCS e CBT ao longo do ano. A missão da Capal é promover o desenvolvimento contínuo do cooperado pela agregação de valor à produção”, destacou o coordenador Roberto Caldeira.

O prêmio conta com cinco categorias. Na categoria acima de 6.000 litros de leite por dia, o vencedor foi Henri Martinus Kool (8.846,86 litros), com 92 pontos, seguido de Fernanda Krieger Bacelar Pereira (8.148,08 litros), que alcançou 91 pontos, e Wilko Laurens Verburg (12.093,95 litros), com 90 pontos.

Na categoria de 3.001 e 6.000 litros diários, o vencedor foi Erik Bosch (3.879,14 litros), com 88 pontos. Em segundo lugar, Anna Maria Noordegraaf Jongsma (3.620,44 litros), com 79 pontos; e, em seguida, Jan Gerrit Berendsen (4.719,21 litros), com 76 pontos.

Entre 1.001 a 3.000 litros, o primeiro lugar é de Gerson Luiz Zych (1.510,7 litros), com 86 pontos, seguido por Daniel Nunes Gomes (1.052,73 litros), que conquistou 79 pontos, e Valmir Bronoski (1.626,52 litros), com 56 pontos.

Já entre 501 e 1.000 litros, José Bulka (719,16 litros) alcançou 90 pontos, Raul dos Santos (884,52 litros) chegou a 80 pontos, e Rafael Draghi (699,59 litros), em terceiro lugar, teve 68 pontos.

Por último, em produção de até 500 litros, os produtores reconhecidos foram Clovis Mendes Paiva (323,60 litros), com 87 pontos, Claudio Aparecido de Souza (271,22 litros), que teve 83 pontos, e Adriano Hennig (208,94 litros), 82 pontos.

PUBLICIDADE

Recomendados