Portal aRede - Aconteceu! Tá na aRede!
Publicidade

Agronegócio

Foto: Divulgação/FAEP
Da Redação | Agronegócio | 05/10/2019 as 19:32h

MP do Agro melhora condições de operação do crédito rural

Conjunto de medidas proporciona competitividade entre instituições e pode colocar mais recursos à disposição do produtor

O governo federal editou a Medida Provisória (MP) 897/19, que complementa as condições estabelecidas no Plano Safra 2019/20, trazendo impacto direto no crédito para produtores rurais. Segundo o secretário de Política Agrícola do Ministério da Economia, Rogério Boueri, a nova normatização “vai possibilitar a alocação de R$ 5 bilhões a mais de crédito rural”. Chamada de MP do Agro, o documento foi publicado no Diário Oficial da União do dia 2 de outubro. Para que passem efetivamente a valer, as determinações ainda precisam passar por regulamentação específica.

“Nós vemos com bons olhos esses lançamentos, essa ampliação de mercado. Como não há recursos suficientes, essas medidas colocam o mercado à disposição das políticas públicas. É a inciativa privada contribuindo para o desenvolvimento rural”, diz o coordenador do Departamento Técnico Econômico (DTE) da FAEP, Jefrey Albers.

Essencialmente, a MP contempla ações que podem ser divididas em três grupos. O primeiro, com medidas destinadas à criação de condições que implicam na redução das taxas de juros, a partir da ampliação de crédito rural e da melhoria das garantias oferecidas pelos produtores nas operações.

O segundo grupo compreende a expansão do financiamento do agronegócio com recursos livres por meio do mercado de capitais. Neste conjunto, estão previstas medidas que modernizam Cédula do Produto Rural (CPR), títulos do agronegócio e outros títulos bancários.

No terceiro bloco, estão previstas regras que, segundo o governo federal, melhoram a competição do crédito rural. Entre essas medidas, estão a possibilidade de subvenção à construção e expansão de armazéns, com a destinação de até R$ 200 milhões até junho de 2020 para este tipo de financiamento.

Entre as medidas previstas, Albers destaca a possibilidade de todas as instituições financeiras que operam crédito rural terem a prerrogativa de equalizar as taxas de juros. Na avaliação do técnico da FAEP, isso deve favorecer a competitividade e implicar em melhores condições. “É um passo importante, porque antes só os bancos públicos e cooperativas de créditos podiam fazer essa equalização. É uma ampliação de mercado que pode trazer impacto positivo”, observa.

Outro ponto que merece destaque é a possibilidade de o produtor poder desmembrar sua propriedade para oferecer como garantia na tomada de crédito rural. Outros elementos são definições de operação de créditos, mas que ainda precisam ser regulamentadas. “De modo geral, a MP faz cumprir os objetivos do governo de deixar o governo mais autônomo na disponibilidade de recursos. As novas fontes que estão sendo criadas, as novas garantias que dão segurança na tomada de crédito facilitam o mercado. Isso deve implicar num volume maior à disposição, porque as instituições passam a ter maior interesse neste setor”, aponta Albers.


Veja as principais medidas:

Fundo de Aval Fraterno

 De acordo com a medida, os produtores poderão formar associações, criando um fundo (Fundo de Aval Fraterno) para ter acesso ao crédito rural. Com isso, os produtores terão garantias adicionais para quitar as dívidas agrícolas e para reestruturar seus negócios. O aval coletivo será dado pelos produtores associados, por integrantes da cadeia produtiva, como fornecedores de insumos, beneficiadores de produtores agropecuários e pelas instituições financeiras.

Patrimônio de afetação

A MP permite que o produtor desmembre sua propriedade para dar como garantia em operações de crédito, o que permite ampliação do acesso aos recursos financeiros e melhora a negociação do financiamento. Até então, o produtor precisava oferecer todo o imóvel como garantia, o que, na maioria dos casos, tinha um valor superior ao financiamento.

Cédula Imobiliária Rural

A partir do desmembramento previsto no patrimônio de afetação, o produtor cria a chamada Cédula Imobiliária Rural (CIR). Esta será emitida pelos proprietários rurais e poderá ser negociada no mercado de títulos e valores mobiliários, com acompanhamento do Banco Central.

Taxas de juros

A partir de agora, todas as instituições financeiras que operam crédito rural poderão equalizar as taxas de juros dos financiamentos. Antes, apenas bancos públicos, bancos cooperativos e confederações de cooperativas de crédito podiam equalizar as taxas. O objetivo da medida e estimular a competitividade entre as instituições, o que poderia reduzir as taxas de juros e implicar em condições mais favoráveis aos produtores rurais.

Títulos 

Os títulos do agronegócio e a Cédula do Produto Rural (CPR) agora podem ser referenciados em moeda estrangeira, como o dólar. A intenção é de que a medida aprimore o mercado de crédito, flexibilizando as condições de operação.

Informações da FAEP

Publicidade

Recomendados

Publicidade

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Ponta Grossa 17/10/2019 ás 21:37h
Ponta Grossa 17/10/2019 ás 21:08h
Cotidiano 17/10/2019 ás 20:40h
Publicidade
Ponta Grossa 17/10/2019 ás 20:31h
Campos Gerais 17/10/2019 ás 20:11h
Ponta Grossa 17/10/2019 ás 20:00h
Publicidade
Campos Gerais 17/10/2019 ás 19:22h
Ponta Grossa 17/10/2019 ás 19:01h
Ponta Grossa 17/10/2019 ás 18:54h
Publicidade

VÍDEOS

Cotidiano | 17/10/2019 ás 17:32h

Durante assalto, bandido beija cabeça de idosa para acalmá-la

Mix 17/10/2019 ás 12:40h
Publicidade

PONTA GROSSA

Ponta Grossa | 17/10/2019 ás 18:20h

Jeann e Julio confirmam show na Feira Paraná

Publicidade
Ponta Grossa 17/10/2019 ás 16:37h
Ponta Grossa 17/10/2019 ás 16:01h
Publicidade

COTIDIANO

Cotidiano | 17/10/2019 ás 17:20h

Governo libera R$ 7 milhões em recursos para serviços de saúde

Cotidiano 17/10/2019 ás 16:20h
Cotidiano 17/10/2019 ás 16:04h
Publicidade
Cotidiano 17/10/2019 ás 14:17h
Publicidade

CAMPOS GERAIS

Campos Gerais | 17/10/2019 ás 12:20h

Sicredi Campos Gerais PR/SP aumenta base de associados

Campos Gerais 17/10/2019 ás 08:36h
Campos Gerais 16/10/2019 ás 13:30h
Publicidade
Campos Gerais 16/10/2019 ás 12:20h
Campos Gerais 16/10/2019 ás 11:40h
Campos Gerais 15/10/2019 ás 16:00h
Publicidade

MIX

Mix | 17/10/2019 ás 13:44h

‘Sarra com Respeito’ traz MC Carol a PG

Publicidade
Publicidade

ESPORTE

Esporte | 17/10/2019 ás 09:33h

Rangel pretende doar Germano Krüger ao Operário

Esporte 17/10/2019 ás 09:20h
Esporte 17/10/2019 ás 07:39h
Publicidade
Publicidade

INSANA

Insana | 11/10/2019 ás 14:37h

Austrália cria radar para multar quem usa celular dirigindo

Publicidade
Publicidade

VAMOS LER

Vamos Ler | 17/10/2019 ás 18:33h

Sexto ano trabalho gênero textual ‘receita’ em Carambeí

AGRONEGÓCIO

Agronegócio | 16/10/2019 ás 11:00h

Produtores poderão refinanciar dívidas com juros de 8% ao ano

Publicidade

ROMULO CURY

ao vivo | 17/10/2019 ás 17:29h

Conheça a Start Live Escola de Profissões

BOM DIA ASTRAL

Bom Dia Astral | 17/10/2019 ás 00:42h

Confira seu horóscopo para esta quinta-feira (17/10)

EMPREGOS

Empregos | 17/10/2019 ás 18:00h

Vagas na Agência do Trabalhador para sexta-feira (18/10)

Publicidade

MAIS LIDAS

Ponta Grossa | 14/10/2019 ás 14:31h

Família encontra jovem de PG que estava desaparecido

Ponta Grossa 14/10/2019 ás 08:10h
Publicidade