História do goleiro Danilo, ex-Operário, vai virar filme

Esporte

12 de setembro de 2017 14:09

Da Redação

  • Comentários
    0 compartilhados
  • Imprimir

Relacionadas

Operário perde para o Rio Branco na Taça FPF

PG disputa quartas de final em três modalidades nos JAPs

Campeonato de pesca esportiva acontece no Rio Iguaçu

Ginastas de PG trazem medalhas de competição estadual
PG vai às quartas de final do handebol nos JAPs
São Paulo vence, mas segue na zona de rebaixamento
Corinthians vence o Vasco com gol de mão
Atleta foi uma das vítimas do trágico acidente de avião na Colômbia. Operário homenageou-o no jogo do título/Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

Mais uma cinebiografia vem aí. Conhecido por abordar temas com engajamento social em suas produções e  de produzir, roteirizar e dirigir seus clipes em formato de curtas-metragens, o cantor e compositor sertanejo Thiago di Melo fará um longa-metragem intitulado “Goleiro”.

O filme fará uma homenagem ao atleta Marcos Danilo Padilha, da Chapecoense, que teve sua história interrompida na tragédia aérea de 29 de novembro de 2016, após a queda do avião que levava o time para Medellín, na Colômbia, onde disputaria a primeira partida da final da Copa Sul-Americana. Em 2009, Danilo jogou no Operário Ferroviário.

O filme contará toda a trajetória do atleta, desde a infância do garoto humilde que se superou até o início de sua carreira como atleta profissional. “O roteiro prioriza a história de vida e superação e não a tragédia”, explica Thiago di Melo, que detém a autorização de imagem concedida pela família de Danilo, além de parceria firmada em contrato com a Associação Chapecoense de Futebol em março deste ano.

Em pesquisa de campo, o cantor sertanejo, que também dirigirá o longa, entrevistou familiares, amigos e jogadores para finalizar o roteiro. “Conhecer sua família e ver a estrutura em que ele foi criado me fez entender o motivo de ele ser tão querido. Pude vivenciar e me emocionar com o amor que ele tinha por seus pais, irmã, esposa e filho e conhecer histórias que engrandeceram ainda mais o projeto”, ressalta Thiago.
 
De autoria do cantor, a trilha sonora já está finalizada. A canção-tema do filme se chama “Menino Sonhador”. O longa-metragem será rodado nas cidades de Cianorte, no Paraná, e Chapecó, em Santa Catarina. As datas de filmagens e elenco estão em definição.

O filme abordará também a entrega e a dedicação, comuns à maioria dos jogadores de futebol do mundo e o caminho em busca do profissionalismo nesse esporte. “Escrevi uma linda história de amor e superação, que nos fará refletir sobre quem somos, e o que ainda vamos fazer na vida", explica o roteirista e diretor.

“Eu gostaria de agradecer ao time da Chapecoense, sobretudo ao presidente e à equipe de marketing pelo carinho e confiança e a família do Danilo que me recebeu tão bem. Esse filme será um legado em memória desse grande homem, um atleta que deve ser um exemplo para todos nós ", completa Thiago.

Tributo a Danilo

No último domingo, antes mesmo da comemoração pelo título, a torcida do Operário Ferroviário já tinha se emocionado com outro momento marcante e que colocou o Fantasma nas notícias em todo o país. O goleiro Simão entrou em campo com um uniforme homenageando Danilo Padilha, goleiro que defendeu o Operário em 2009 e 2010 e morreu no fim do ano passado na tragédia do voo com o elenco da Chapecoense. A mãe dele, Ilaídes Padilha, estava no Germano Krüger para receber a homenagem do time.

Com informações do site http://www.uai.com.br

PUBLICIDADE
COMENTÁRIOS
AVISO: O portal aRede não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site.
IVC Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização